quarta-feira, 11 de abril de 2018

Um Desabafo Especial.


Oi Oi Lunatic's tudo bem por aqui? Comigo graças a Deus está tudo ótimo. Sei que tenho estado ausente esses dias, a última postagem do blog foi dia 20 de março e resolvi vir até aqui dá algumas explicações e conversar um pouquinho com vocês. Isso mesmo essa é uma postagem tipo conversa entre melhores amigos, desabafo mesmo.

Sei que pouquíssimos que acompanham o blog também me acompanham em outras redes sociais (na verdade quase nenhum dos seguidores/leitores do meu cantinho o fazem) e por essa razão a grande maioria de vocês não sabem que a minha princesinha finalmente nasceu *-*. Postei no dia 20 de Março um vídeo no canal de bookhaul (se você ainda não viu, basta clicar aqui) onde mostrava também o meu barrigão, o vídeo havia sido gravado alguns dias antes (15 de Março) e eu estava com 39 semanas, pois bem a Ma Vie ainda ficou no ventre da mamãe por mais duas semanas e chegou ao mundo dia 28 de março de 2018 as 18hrs da noite. 

Talvez a grande maioria não saiba, mas um recém-nascido exige muito dos pais. Exige tempo, exige dedicação e exige paciência. E apesar de amar esse cantinho, eu quero aproveitar cada segundo dos quase quatro meses que vou ter com ela e como essa fase inicial não é fácil eu resolvi dedicar-me completamente e somente a minha bebê. Confesso que adoraria dar conta das duas coisas, mas não tenho somente o Blog e a Ma Vie, tenho as atividade domiciliares da universidade pra dar conta também e por ser avaliações que farei no conforto da minha casa os professores não pegam leve (isso os que enviam, porque apesar de ser lei e eu ter direito a esse afastamento, muitos professores na universidade torcem o nariz pra essa "comodidade").

Além dessas razões pessoais, tenho também razões relacionadas ao blog para decidir esse breve afastamento; por mais que eu faça resenhas e vídeos por amor a leitura não nego que gosto das estatísticas e dos números e infelizmente meu blog e o canal não tem crescido como eu gostaria, o número de inscritos não muda faz alguns meses e isso de certa forma desestimula. Sei que em partes a culpa é minha, não tenho feito as divulgações necessárias, nem as parcerias necessárias para que aconteça esse crescimento, mas tenho convicção do meu trabalho e da qualidade do meu material e sei que nessa questão apesar do blog ser "pequeno" é melhor do que muitos blogs com um número altíssimo de seguidores, porém isso não é suficiente para as editoras, qualidade não é suficiente e nem parâmetro para um mundo virtual atual onde somente os números interessam. E sim isso desestimula. 

Para quem não sabe eu não sou blogueira de hoje ou de ontem, tenho blog desde 2011 mas senti a necessidade de me recriar e acabei perdendo muito nessa mudança (deixo aqui o link para os meus outros dois blogs desativados o Lua de Prata e o Resenhas da Lua), não me arrependo de ter mudado os blogs e unificado os dois nesse lugar que chamo carinhosamente de Cantinho da Lua, mas sinto falta da quantia de seguidores que tinha nos outros dois e que em dois anos não consegui nem 50 seguidores e isso chega a ser cômico. 

Irei me afastar pelo período de um mês, exatamente o tempo necessário para me adequar a minha filha, a minha nova realidade e a minha nova rotina. Vamos considerar que estou tirando férias e retorno na terceira semana de maio, com muitas resenhas em texto e vídeo, com muitos vídeos e com conteúdo novo e novidades pra vocês, não falarei a novidade do blog e do canal agora, pois usarei esse mês para desenvolver conteúdo e pensar algumas (talvez) mudanças. Do mais é isso, ficou longo, mas precisava muito desse desabafo com vocês.

Muita Luz e Paz pra vocês e até o retorno!!!!
Beijos da Lua!!


terça-feira, 20 de março de 2018

Book Haul: Janeiro e Fevereiro 2018


Oi Oi Lunatic's tudo bem por aqui? Essa é mais uma postagem integrada com o canal do blog e dessa vez o vídeo que trouxe pra vocês é de um Book Haul curtinho, porém cheio de muito carinho e amor. Vamos conferir!



* Livros Citados *
- O Alquimista - Paulo Coelho: http://amzn.to/2FYatFX
- O Homem Mais Inteligente da História - Augusto Cury: http://amzn.to/2GMWpjQ
- Nossa Querida Bebê: http://amzn.to/2FZ3HQn

Bom gente esses foram os livros comprados em Janeiro e Fevereiro desse ano. Lembrando que se alguém se interessar por algum desses livros seria muito importante para o blog/canal que vocês comprassem através desse link que disponibilizei pois irá nos ajudar muito.

Por hoje é isso, e até a próxima postagem!
Beijos da Lua!!

quinta-feira, 15 de março de 2018

Carta A Minha Vida...

Antes de começar a leitura, aperte o play!



  Mesmo meses depois eu ainda me recordo bem do dia em que descobri que você existia dentro de mim, aquele dia eu não sabia ao certo como me sentir, foram tantos sentimentos misturados... Eu tanto te queria, mas não estava pronta para te receber e por isso havia te planejado para anos mais a frente, mas Deus te planejou pra mim nesse momento. Foram dias me acostumando com a ideia, com as mudanças que foram acontecendo aos poucos, os enjoos que apareceram, o corpo que foi se modificando e a mente que foi amadurecendo.

Acervo Pessoal. A reprodução da imagem não é permitida.

  Decorei teu quarto ao mesmo tempo em que decorava cada letra da canção que quero te cantar para ninar. Senti meu coração aumentar dentro do peito todas as vezes que sentia você mexendo dentro de mim, chorei na primeira ultrassom onde descobri que esperava uma princesa e sorri em todas as outras que se seguiram ao ouvir o teu coração. 

  Ah o bater do teu coração, acelerado, forte e imponente dizendo para mim "estou aqui mamãe", neste dia descobri que esse poderia ser o melhor som que ouviria nos meses que se passaram; sempre ouvi as pessoas dizerem que um dia eu entenderia por completo sobre o amor, entenderia que ele pode ser incondicional e imortal, entenderia que o amor não tem forma e não precisa de um rosto para ser amor, e sempre me questionei como isso poderia ser possível, e você foi a resposta mais linda que Deus poderia dar as minhas perguntas. Você é meu Amor Incondicional, um amor tão lindo e puro que surgiu de um outro amor.

Acervo Pessoal. A reprodução da imagem não é permitida.

  Preparei-me durante meses para poder te receber em meus braços, li artigos, busquei revistas, escutei conselho dos mais velhos, anotei dicas, montei cadernos; mesmo assim sei que jamais vou estar preparada o suficiente para ser sua mãe. Haverão momentos em que eu não saberei o que fazer, haverão dias em que talvez eu não tenha paciência o suficiente ou respostas certas para as suas perguntas, e tudo o que te peço é que me perdoe, pois estarei tentando ser a melhor do mãe do mundo para você. 

  Te prometo Minha Vida que serei seu melhor refugio e sua melhor companhia; que irei aprender a definir seus choros e a decifrar suas dores; você será sempre a minha prioridade e a cada pequena conquista sua eu estarei ao seu lado. Você já me ensinou desde o ventre a respeito de abdicar mão de mim e pensar em outro alguém. E que tenhamos a vida para aprendermos uma com a outra. Você a ser alguém enquanto eu aprendo apenas a ser sua mãe.

Com Amor, Mamãe!

segunda-feira, 5 de março de 2018

Filme Resenha: Pantera Negra (Black Panther)

Oi Oi Lunatic's, tudo bem por aqui?
Tenho muitas resenhas atrasadas para postar por aqui, porém resolvi começar com a resenha do filme Pantera Negra por ser uma das minhas resenhas mais atuais e também porque gostaria muito de dividir a minha opinião sobre o filme com vocês o mais rápido possível.
Então sem muita conversa e enrolação, vamos a resenha.

* Informações:
- Titulo Original: Black Panther
- Direção: Ryan Coogler
- Gênero: Ação, Fantasia
- Duração: 134 min
- Distribuidora: Disney
- Orçamento: US$ 120 milhões
- Estreia: 15 de Fevereiro de 2018

* Sinopse: 
Após os eventos de Capitão América: Guerra Civil, o rei T'Challa volta para sua casa, a nação isolada e altamente tecnológica de Wakanda, para começar a servir como o novo líder. No entanto, ele descobre que outras tribos de seu país querem disputar o trono, enquanto inimigos conspiram para descobrir os segredos guardados pelo país. 



* Opinião:
Pantera negra é um daqueles filmes que te deixam sem ação depois que você sai do cinema, demorei um pouco para conseguir produzir essa resenha pelo simples fato de que não conseguia colocar em palavras todas as sensações que o filme havia conseguido gerar em mim, tanto que precisei da ajuda do marido para as palavras finalmente sair (sim mais da metade desta resenha quem fez foi o meu marido, Carlos Danilo, muito obrigada pela ajuda meu amor). 

Como fala a sinopse, o filme começa logo após os acontecimentos de Capitão America: Guerra Civil e com o príncipe T'Challa (Chadwick Boseman) voltando a sua terra natal Wakanda para poder assumir o trono de rei. Temos ai o gancho necessário para sermos apresentados a famosa Wakanda e seus mistérios, e aos futuros personagens importantes para o desenrolar da narrativa. Ainda abalado pela morte de seu pai T'Chaka (John Kani) o Principe T´Challa sente-se despreparado para assumir o trono, então decide ir atrás do seu amor de adolescente Nakia (Lupita Nyong'o) que esta em uma missão de espionagem que o filme não detalha muito, logo após o resgate eles voltam para Wakanda onde será realizada a coroação.


O ritual de coroação acontece sem muitos imprevistos, o que me chamou atenção foi que os poderes do Pantera podem ser retirados e inseridos novamente. Até que um desafiante da tribo dos Jabari, M'Baku  resolve aparecer e desafiar o indicado ao reinado, uma luta acontece, mas como o previsto, o Príncipe T'Challa vence e se torna rei. Depois da luta o novo rei de Wakanda passa pelo ritual de coroação, que consiste em ser levado a outra dimensão (um tipo de céu dos panteras negras) para conversar com seu pai, onde ele confessa não se sentir preparado, mas é bem instruído por seu pai e volta para governar seu país. 

O então assassino de seu pai Garra Sonica (Andry Serkis) que estava sumido a muito tempo resolve aparecer, o rei resolve formar uma equipe para ir atras do assassino que é formada por ele, sua paixão Nakia, e a General Okoye (Danai Gurira), o local escolhido pelo Garra Sonica para a venda de armas é na Coreia do Sul, então a equipe do pantera descobre o local para capturar o assassino e leva-lo para ser julgado em Wakanda, o que o nosso heroi não esperava era que teria uma equipe do FBI liderada pelo agente Everett Ross (Martin Freeman) querendo capturar o vilão, acontece alguns imprevistos mas eles conseguem capturar o vilão, ele é levado para um esconderijo do FBI, onde os agentes tentam conseguir informações sobre o vibranium roubado por ele, enquanto eles fazem o interrogatório com o vilão, a equipe dele que é Erik Killmonger (Michael B. Jordan) e sua namorada  preparam um plano para o resgate e o resto não falaremos porque seria muitos spoilers numa postagem só.


Pantera Negra é um filme consistente, com começo, meio e fim que se interliga de maneiras inesperadas, porém seguras. Uma curiosidade que deve ser mencionada é que este é um dos primeiros filmes com a maior parte de seu elenco sendo negra, outra curiosidade interessante a ser citada é que a linguagem africana aparece sim em alguns momentos do filme e foi lindo de se ver. Este sem dúvidas é um dos filmes atuais da Marvel mais sério e diga-se de passagem que não tem medo de falar da segregação racial dos EUA. Quanto ao elenco, não tem defeitos, todos são carismáticos e condizentes com o papel que interpretam, o Chadwick Boseman parece ter nascido para ser o Pantera Negra. O elenco feminino nem de longe fica atrás e nas cenas de lutas muitas vezes rouba a cena.
Pantera Negra consegue ser tão perfeito que até mesmo o vilão é carismático e tem como pano de fundo para suas atitudes uma história compreensível e que nos faz questionar se T'Challa será realmente capaz de ser um bom rei.


Quando terminou a sessão do cinema, fiquei não somente feliz por ter assistido um filme incrível, onde difícil é achar falhas, mas também com a certeza de que minhas definições de heroi preferido haviam sido atualizadas e meu coração foi roubado em grande estilo pelo povo de Wakanda. O filme conta com duas cenas pós-créditos por tanto um pouquinho de paciência sempre cai bem no final.

Por hoje é isso pessoal, já assistiram Pantera Negra? Se sim conta nos comentários o que achou, e se ainda não viu, se ainda estiver em cartaz na sua cidade não perca a oportunidade, pois é um ótimo filme.
Abraços da Lua!



Você Vai Gostar de Ler:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...