sexta-feira, 30 de setembro de 2016

Palavras Soltas...

Antes de começar a leitura coloque a música para tocar...


We<3It

Hoje eu acordei com uma vontade enorme de dizer que Te Amo, assim mesmo sem ver nem pra quê, simplesmente surgiu vontade e ela ficou tão grande e transbordante que tive que fazer dela letras para acalmar a saudade. Não faz muito tempo que você se foi, na verdade eu nem sei ao certo se você foi, mas tudo em mim ainda respira e inspira lembrança sua em toda parte que vou. Já tentei fugir dos fantasmas, já pensei em ir embora pra não mais voltar pra um lugar qualquer onde não tenha nada que possa dizer que represente nós dois, mas não adiantaria, pois tudo o que representa nós dois está dentro de mim e não somente ao meu redor.

Você esta ai em algum lugar não muito distante de mim e é isso que tira o sono, a distancia só se faz presente porque nos obrigamos a ficar longe... Longe e ao mesmo tempo tão perto, sinto teu cheiro em todo lugar, a cama pequena agora é tão grande e o meu filme favorito não consigo mais ver sem que os olhos embace e a garganta feche. Cada pequeno pedaço em mim é seu, nenhuma promessa minha foi em vão e todas as vezes que te disse palavras de amor não foram da boca para fora. Joguei fora a segunda escova de dentes e o vidro de shampoo seco, como se pudesse jogar fora você do meu coração, grande engano, você segue vivo a cada batida que ele dá.

Não demore a voltar, pois nada estamos fazendo se não magoando um ao outro, engolindo orgulho e bebendo tristeza; as mudanças que haviam para ser feitas já foram todas instauradas e implementadas, até mesmo a lua entristeceu-se com seu partir e a brisa que sopra sussurra no ouvido que devemos seguir, não separados, mas juntos pois não se deve deixar ir alguém que pode lhe fazer ser o melhor que pode ser...

domingo, 11 de setembro de 2016

Filme: Resenha - Esquadrão Suicida (Suicide Squad)


Oi Oi Lunatic's!! Tudo bem por aqui? Saudades do meu cantinho, mas estou voltando com toda a força e gás, muitas postagens já pré-produzidas e só prontas para finalizar para trazer pra vocês, resenhas de livros e muito mais. Então sem mais delongas vamos a nossa resenha do filme Esquadrão Suicida.

Direção: David Ayer
Gênero: Ação, Fantasia
Duração: 130min (2h03min)
Distribuidora: Warner Bros
Orçamento: US$175 milhões
Estreia: 04 de Agosto de 2016
Sinopse: Baseado nas histórias em quadrinhos da DC Comics, o longa acompanha a missão de um grupo formado por supervilões que começam a trabalhar para o governo em troca do perdão de suas penas. Amanda Waller, oficial de inteligência dos EUA, decide reunir um grupo secreto de indivíduos dispensáveis para proteger o país de meta-humanos e outras ameaças capazes de destruir o poderio militar norte-americano em segundos. Pistoleiro, Arlequina, Bumerangue, Amarra, Croc se unem a Rick Flag na missão de suas vidas.

Resenha:
Esquadrão Suicida foi mais um filme com um marketing incrível que nos leva a acreditar que o filme será épico, uma aposta alta da DC após Batman X Superman e que deu muito certo, apesar das criticas nada positivas mundo afora o filme já ultrapassa os 600 milhões de dólares de bilheteria. O filme aposta em um grupo de anti-herois para salvar o mundo, enquanto os nossos herois (batman e superman) estão passando por problemas pessoais. Lançado logo após Batman x Superman, esquadrão suicida tem um fio de conexão forte e a estória só desenrola devido ao fim do filme anterior.


Com um elenco de primeira classe, Esquadrão Suicida é um filme de tirar o folego sim (mesmo que as criticas profissionais por ai digam o contrario), formado pelos vilões Arlequina Pistoleiro Crocodilo Diablo Capitão Bumerangue Magia, comandados pelo Capitão Flag e Katana sob ordem de Amanda Wallet, os vilões são convocados não para salvar o mundo mas para serem culpados quando o plano sair errado. Logo nas primeiras cenas somos capazes de definir o que vai dá errado, mas isso não faz do filme um completo clichê, até porque colocar vilões para salvar o dia é de longe um clichê. A personalidade unica de cada personagem faz do grupo uma aposta alta onde as chances de erro são bem maiores do que as de acerto, e é por isso que existe Amanda Wallet, a única coisa que faz os vilões ficarem onde estão, sobre o coringa do Jared Leto prefiro simplesmente não comentar muito pois uma frase que já foi muito usada resume tudo, o pior coringa do cinema sem dúvidas.

Aos poucos somos apresentados nem que seja muito rapidamente aos personagens, que convenhamos tirando um ou outro, se não fosse a reação da sociedade eles poderiam ser ótimos herois, pois o que fica claro é que eles são movidos por amor e moldados por serem excluídos da sociedade devido as suas diferenças. Sobre a atuação do elenco é impossível fazer a critica desse filme e não citar a atuação PERFEITA da atriz Margot Robbie que faz da Arlequina exatamente tudo o que era esperado e um pouco mais, entrei no cinema gostando da Arlequina e sai do cinema amando-a. A atuação do Will Smith também é admirável, mesmo que muitos fãs sintam falta do pistoleiro e sua mascara, e não poderia deixar de citar a atuação que faz de Amanda Wallet a verdadeira vilã da narrativa.

O roteiro deixa sim um pouco a desejar, afinal quem não gostaria de ver um pouco mais sobre os personagens, e como muitos já citaram o inicio do filme realmente é atropelado, mas é um atropelo necessário para que o mesmo não fique extenso e cansativo, não que eu concorde com essa mania da DC de encher os filmes de corte para poder fazer um Edition Extend em DVD ou Bluray, mas é uma jogada de marketing deles que está dando lucro, prejudica no cinema, mas dá lucro e no final isso é o que realmente importa. Enquanto a trilha sonora casa com cada cena sendo extremamente importante para criar o ambiente do filme, os efeitos do 3D são quase imperceptivos, mas no conjunto geral o filme agrada muito mais do que deixa a desejar.

Sai do cinema querendo mais, e com sinceridade a DC tem muitos pontos bons e soltos nesse filme que pode sim ser aproveitado num futuro, a Arlequina é merecedora de um filme solo e Esquadrão Suicida merece uma sequência. A cena pós-crédito é maravilhosa e mais uma vez amarra firme as pontas soltas dos filmes da DC, e o que fica são mais expectativas para os filmes futuros.

Contem-me a opinião de vocês, já assistiram o filme? Gostaram? Vou adorar saber a opinião de vocês nos comentários.
Beijos!!

quarta-feira, 27 de julho de 2016

(Novidades) SDCC 2016 - Novidades da Comic-Con

Oi Oi Lunatic's, tudo bem por aqui? Que saudade desse meu cantinho, mas por forças maiores fui obrigada a ficar um tempinho longe, porém a Luna está de volta e agora com mais vontade do que nunca, com muitas novidades pra vocês, postagens sobre o que nós mais amamos LIVROS e FILMES e muitos textos novos. Além é claro de M-U-I-T-A-S surpresas.... 

Mas sem muitas delongas, vamos ao que nos interessa na postagem de hoje, as maravilhosas novidades que a Comic Con trouxe para o nosso mundo dos trouxas...

Luna, e o que é a Comin-Con? Para quem não sabe, Comic-Con é um evento que ocorre durante o verão em San Diego na Califórnia, o foco inicial do evento era abordar coisas relacionadas ao mundo dos quadrinhos e dos filmes, mas com o passar dos anos foi incluindo muitas outras coisas no evento.Obviamente a Comic-Con ocorre em várias partes do mundo, mas o evento principal é o que acontece na Califórnia.

A Comic-Con: San Diego desse ano, já aconteceu, o evento foi realizado entre os dias 20 e 24 de julho, para o nosso desespero (lê-se meu desespero mesmo) teve muitas novidades no evento, a Marvel Television juntamente com a Netflix divulgou prévias de várias séries, e do lado cinematográfico o único vídeo liberado oficialmente foi o de Doutor Estranho, mas falou novidades sobre Guardiões da Galáxia 2, Homem-Aranha: De Volta ao Lar, Thor: Ragnarok, Pantera Negra e Capitã Marvel. Já a Warner/Dc não ficou para trás e trouxe para o público as prévias de Mulher-Maravilha, Liga da Justiça, Lego Batman: O Filme e Esquadrão Suicida, que por sinal terá lançamento na próxima semana, ansiosos? 
Vamos conferir os trailers.

1. Trailer Mulher Maravilha


2. Teaser Liga Da Justiça

3. Trailer Esquadrão Suicida

4. Trailer Doutor Estranho

5. Trailer Animais Fantástico e Onde Habitam


Não nego que de todas as novidades, a que mais me agradou foi o novo trailer de Animais Fantásticos, sendo fã incorrigível de Harry Potter não vejo a hora do filme estrear e me deliciar com o mundo fantástico que a J.K.Rowling criou mais uma vez.

Por hoje é isso Lunatic's, contem-me qual a novidade da Comic-Con que mais agradou vocês e caso desejem e possam logo terá uma Comic-Con Experience no Brasil, será em São Paulo, nos dias 01 a 04 de dezembro e Aqui vocês poderão encontrar outras informações a respeito.

Beijos da Lua!

domingo, 19 de junho de 2016

Lingerie Modeladora

https://br.pinterest.com

Lingeries modeladoras são peças indispensáveis para dá aquela disfarçado, esconder aquela gordurinha que insiste em aparecer sob looks que são mais justos, essas lingeries podem ser encontradas nos mais diferentes tamanhos, e uma amplitude de oferta que costuma confundir as mulheres na hora de escolher a peça ideal para cada ocasião e look.
A primeira dica e a mais importante : Nunca use um tamanho menor do que o seu!
Porque além de ser muito prejudicial para o seu corpo o efeito visual não é nada bonito.
https://br.pinterest.com

Body de Alças
Modela o abdômen, deixando todas as gordurinhas no lugar. Para as meninas que tem mais busto, o indicado são os bodies com tecido duplo na área dos seios, para ter uma sustenção maior. Já para as meninas que tem dobrinhas no abdômen e tem pouco busto, podem optar por bodies com bojos de espuma. Os bodies podem ser usados com vários tipos de roupas, com vestidos, calças, saia e até mesmo blusas.

sábado, 11 de junho de 2016

Meias Fashionistas


Olá gente!
Inverno está chegando, e meias são uma escolha essencial para aquecer os seus pesinhos no inverno, nesta estação as meias chegaram com mais personalidade, originais, divertidas e NADA básicas. Não importa o material com o qual são confeccionadas, seja algodão, mesh, esportivas... O fato é que elas chegaram com tudo e querem ser notadas.
Eu simplesmente sou encantada com esses tipos de meias e acho super estilosas. Trouxe alguns modelos pra vocês da parceria da Rihana com a Stance.








Espero que tenham gostado, beijos!


sexta-feira, 10 de junho de 2016

Espelho...

We<3It

E aqui estamos, eu e você, outra vez em frente ao espelho que reflete a alma... Você lembra a última vez que estivemos aqui? Você ainda era uma menina, chorava as dores do coração e jurava nunca mais amar... Como você mudou pequena... Hoje é uma mulher dona de si e determinada a alcançar seus sonhos.

Hoje você sabe que na verdade pouco sabia sobre o amor pequena estrela e hoje você supõe conhecer de fato um pouco do amor, conhece a marca que ele tem, sabe que por amor o orgulho se desfaz e que as mágoas e raivas não duram muito mais do que algumas horas. Você sabe menina que ele também sofreu, talvez até já tenha amado, foi machucado e maltratado, assim como machucou e talvez até maltratou alguém, mas que hoje é outro alguém, entendes o que quero dizer? O amor modifica as pessoas, porque quando é amor verdadeiro o sentimento transforma as pessoas no melhor que elas podem ser.

Lembro que na última vez aqui havia uma princesa, tão cheia de vontade e tão pouco acostumada com a vida; e a menina que vejo agora não traz coroa na cabeça e tão pouco aquele nariz empinado, não és princesa, tão pouco plebeia, és agora a melhor parte das duas definições. E para ser sincera nem sei mais como te definir, és enigma até em minhas mãos, então diga-me quem agora és... Sei que és amor daquele moço que tem sonhos bonitos e alma doce, és amiga e irmã, és também para alguns rivalidade e para muitos és apenas mais um rosto na multidão. Então me diga menina quem agora és?

Quem eu sou moça, deverás saber... Eu sou tempestade que chega em calmaria, sou brisa leve em noite de lua, sou flor da meia-noite que ás vezes surge ao meio-dia. Sou furacão sem previsão, sou tormenta em beijos e serena em abraços. E somente você determina o que posso ser; sou doce, não como o brigadeiro que todo mundo gosta, mas como o beijinho que só agrada alguns paladares refinados. Sou dessas que vê e ouve as coisas calada, mas que não espera por outras palavras e quando espera é apenas definindo onde devo machucar.

Sabe moça, sou toda menina pequena que até suporta que gritem comigo, mas viro gigante se tentam prejudicar a minha vida e ainda mais se machucarem alguém dessa vida minha. não é que eu seja vingativa, não me entenda mal, pois não sou, só que quando eu quero também sei magoar as pessoas. Eu sei , sou imprevisível em alguns momentos, irredutível em algumas coisas, teimosa a maioria das vezes e o tempo todo tentando ser alguém melhor. Sei também que em alguns dias sou de uma indiferença exacerbada, entenda que não é porque eu queira é apenas meu jeito inconsciente de me defender e tento mudar isso todos os dias por aquele moço bonito que me espera lá fora.

Sabe menina, por ser um pedaço de mim você sabe melhor do que eu que sou fogo que não queima, sou fogo que esquenta, o calor necessário para manter as coisas vivas; às vezes sou de um frio causticante, mas ainda somos românticas incorrigíveis e sonhadoras irrecuperáveis, sabes que a determinação é nosso combustível e que o amor que temos por aquele moço dos olhos castanhos é a nossa melhor parte e o que nos faz um pouco melhor todos os dias.


quinta-feira, 26 de maio de 2016

Música&Filme: Playlist - Alice Através do Espelho


Oi Oi Lunatik's. Tudo bem por aqui?
Alice através do espelho ainda nem chegou direito aos cinemas e já dividi a opinião dos críticos e fãs, então como eu deixei claro na postagem sobre Estreias do Mês aqui no blog, estava ansiosa para a estreia de Alice Através do Espelho, porque sou completamente apaixonada pelo mundo criado na história de Alice, mesmo sabendo que o diretor não é o Tim Burton e mesmo sabendo que o roteiro do filme é completamente diferente do livro, aqui estou contando as horas para poder assistir.

A intenção inicial era fazer uma playlist totalmente inspirada no mundo de Alice, então fiz uma mistura bem gostosinha de músicas que eu gosto e que são inspiradas em contos de fadas, mas devo ser sincera que de todos os clipes o da música Just Like Fire da Pink é o meu preferido, então vamos conferir...

1. Just Like Fire - Pink

2. White Rabit - Jefferson Airplane

3. Alice - Avril Lavigne

4. Brick by Boring Brick - Paramore

5. Wide Awake - Katy Perry

E como bônus resolvi colocar o novo clipe da Adele - , não tem nada haver com o tema, mas eu gosto demais dessa música.

Espero que tenham gostado da postagem.
Beijos da Lua!



sábado, 21 de maio de 2016

Resenha: A Batalha do Apocalipse


Oi Oi Lunatik's. Tudo bem por aqui?
Apesar da demora a Luna voltou ( \o/ ). E hoje, como vocês podem adivinha pela imagem inicial da postagem, é dia de resenha. Escolhi o livro "A Batalha do Apocalipse" por ser um livro nacional que eu adoro e que tem muita relação com o livro que estou lendo atualmente que também é do mesmo autor. Então vamos ao que nos interessa?

Informações:
- Autor: Eduardo Spohr
- Editora: Verus
- Literatura: Nacional/Ficção
- Páginas: 586
- Folhas: Brancas
- Relido Em: Abril de 2016

Sinopse:
Há muitos e muitos anos, há tantos anos quanto o número de estrelas no céu, o Paraíso Celeste foi palco de um terrível levante. Um grupo de anjos guerreiros, amantes da justiça e da liberdade, desafiou a tirania dos poderosos arcanjos, levantando armas contra seus opressores. Expulsos, os renegados foram forçados ao exílio, e condenados a vagar pelo mundo dos homens até o dia do Juízo Final. Mas eis que chega o momento do Apocalipse, o tempo do ajuste de contas, o dia do despertar do Altíssimo. Único sobrevivente do expurgo, o líder dos renegados é convidado por Lúcifer, o Arcanjo Negro, a se juntar às suas legiões na batalha do Armagedon, o embate final entre o Céu e o Inferno, a guerra que decidirá não só o destino do mundo, mas o futuro do universo. Das ruínas da Babilônia ao esplendor do Império Romano; das vastas planícies da China aos gelados castelos da Inglaterra medieval. A Batalha do Apocalipse não é apenas uma viagem pela história humana, mas é também uma jornada de conhecimento, um épico empolgante, cheio de lutas heróicas, magia, romance e suspense.

Resenha:
  Falar deste livro é um tanto complexo, porque apesar da narrativa ser bem longa não dá para fazer um resumo preciso sem dar spoilers, além de que é um livro pelo qual eu me apaixonei completamente por tanto não saberia expressar muitas coisas sem querer contar todo o livro, mas tentarei.

  A Batalha do Apocalipse conta a "história" (como diz a sinopse) de Ablon, é através da "história" deste anjo que nos envolvemos em toda a catástrofe que é o apocalipse e em toda a trama que tem por trás desse acontecimento bíblico que há muito assombra a humanidade. Segundo o livro o apocalipse não é algo que vai acontecer da noite pro dia, mas que há muito vem acontecendo e que haverá um clímax onde as forças contrárias (bem e mal) irão duelar e levar o apocalipse ao fim. Isso é tudo que posso falar sem spoilers.

  O livro em si é uma obra completa e que te prende por muito tempo e com muita satisfação, A Batalha do Apocalipse é mais do que apenas um livro literário, mas como diz a própria sinopse também uma viagem a momentos importantes da humanidade, é um livro fictício mas que traz algum conhecimento. A obra é bem estruturada e logo percebe-se que foi bem fundamentada em pesquisas. Por ser muito detalhista o livro as vezes torna-se cansativo, mas não se deixe enganar, são nos detalhes que encontramos coisas importantes para o desenvolvimento da narrativa.

  O Eduardo Spohr fez uma variação na sua narração, o livro conta com narrador em 3º pessoa e em 1º pessoa, tendo por partes acontecimentos no tempo presente e acontecimentos no tempo passado. Até metade do livro a minha leitura foi bem arrastada por conta dos detalhes e apresentações, o que me fez demorar um pouco pra ler, porém da metade em diante o livro ganhou vida e passei a me preocupar menos com os detalhes e a me ater mais aos mesmos. É da metade em diante que o livro chega a fase de te prender e fazer você querer largar tudo apenas para se prender a leitura.

  Mais uma vez ressalto os detalhes são de uma importância tremenda, por tanto por mais que pareça cansativo e chato o livro continue a leitura.
" A certeza não existe, nem a perfeita verdade. Mas sempre nos resta a fé, que nos faz confiar no impossível. E o impossível, com frequência, se torna concreto.                                                                                                                                                     - Pág.468 "
  Um ponto que eu acho importante ressaltar também é que você deve ler este livro sem preceitos pre-concebidos, muitas coisas no livro não vão de encontro a que as religiões pregam, por tanto é preciso ter a mente aberta para poder apreciar a leitura. Do mais devo dizer que o livro é simplesmente fantástico, uma viagem fascinante por pontos históricos e bíblicos.
" - Seja então nosso parceiro na paz - Ablon não queria perde-lo - Precisaremos de você para levantar o planeta dos escombros da guerra.                                                                                                                                                                                             - Pág. 484"
  A Batalha do Apocalipse é um livro digno de ser comparado a muitos best sellers que existem por ai, e em alguns casos até mesmo superior, é uma obra nacional que enche de orgulho qualquer leitor e por isso acho tão importante a leitura do mesmo. É um cinco estrelas que ganharia dez se tivesse essa classificação. Por tanto peguem seus livros, seus ebooks (não aconselho a leitura do mesmo em ebook por ser muito extenso) e embarquem nessa "historia" fantástica e surpreendente.


Gostaram da resenha? Já leram esse livro? Conhecem alguma outra obra do Eduardo Spohr? Caso se interessem tem resenha do livro Filhos do Éden: Herdeiros de Atlântida aqui no blog, vem conferir. Espero comentários.

Beijos da Lua!


sexta-feira, 13 de maio de 2016

Você É Linda Menina!

Leia Com a Música
Via: Pinterest


  Então menina como está? Estive sumida alguns meses, eu sei, mas é que você precisava de um tempo para entender a diferença que há entre sermos nós e sermos o que querem que você seja; tive que partir para que você pudesse analisar os fatos sem ouvir minha voz sempre tão influente, sim eu sou influente sobre você, porque eu sou a sua personalidade e eu voltei porque mesmo sem me ter sussurrando ao seu ouvido você continuava a ter resquícios de mim. Vamos nos resolver moça? 

  Estive te observando no silêncio e chorei algumas tantas vezes quando se recusou a vestir aquela roupa porque disseram que era vulgar demais, chorei quando você se recusou a comer seu sanduíche preferido porque disseram que você estava gorda, chorei quando te vi pintar as unhas de rosa porque você precisava parecer mais mulher e solucei no escuro quando se recusou a usar o seu batom favorito por ser forte demais para uma menina. Não te criei assim moça, isso não sou eu, não somos nós... Se olha direito moça e veja o que eu vejo daqui, olha você menina e se ache o máximo, você tem esse direito e ninguém pode tirar, o que tem de errado com você? És tão linda quanto alguém pode ser, vai lá no guarda-roupa pega aquele vestidinho preto que nunca mais usou, coloca uma maquiagem ou se preferir coloca só aquele batom vermelho que te deixa encantadora, solta esses cachos menina e vai ser feliz.

  Entende menina que o tamanho da sua cintura não define sua personalidade, que se você não tem coxas grossas ou bunda grande não define sua inteligência, você já nasceu linda moça e o que te torna irresistível é essa sua capacidade de falar sobre tudo ou ficar calada observando as estrelas, o que te torna incrível é essa sua capacidade de sorrir com o vento, você não precisa ser discreta se você não sabe ser, a única coisa que basta é que você seja você. Se alguém te disser o contrário menina procure não ouvir, valoriza aqueles que te valorizam como tu és, aqueles que não querem mudar teu jeito desastrado, que aceitam teu corpo como ele é, que entendem que a roupa seja ela curta ou decotada não muda o seu interior e não define suas atitudes, aprende menina a valoriza aquele que diz todos os dias que você é linda exatamente como você é.

  Olhe no espelho menina e veja que tudo em você é lindo, pegue aquela sapatilha confortável nada de salto por hoje, porque eu sei o quanto você prefere o all star no lugar daquele salto agulha; coloque aquele brinco que parece de menina rebelde, nós sabemos que um pedacinho de nós nunca deixou de ser maloqueira e que as unhas pretas fazem falta. Seus olhos que mudam de cor devem estar claros exatamente como eles ficam quando você está feliz, não troque seus vícios pelo de ninguém, não baixe a cabeça menina e seja forte como sempre foi. Tá vendo agora menina? Você é linda, agora vai sem medo sorrir pro mundo e não deixe nada definir quem você é. Seu calçado pode não ser 34 e sua cintura pode até não ser 36, mas o brilho que tem nos teus olhos já é suficiente para encantar.

"Não existe corpo bonito ou feio. Todos são únicos e lindos!" (Ariana Grande)


terça-feira, 3 de maio de 2016

Filmes: Estreias do Mês

Oi Oi Lunatik's tudo bem por aqui? Primeiríssima postagem do mês de Maio e vamos falar dos filmes mais aguardados para esse mês, fiz uma pesquisa demorada para trazer as noticias mais certas possíveis, mas caso tenha alguma divergência de informações fiquem a vontade para me informar ou por email ou através dos comentários. Então vamos ao que interessa...

* 05/05/2016 *
O Maior Amor do Mundo 

- Titulo Original: Mother's Day
- Direção: Garry Marshal
- Duração: 1h58min
- Gênero: Comédia Romântica
Sinopse: Nesta comédia romântica, várias histórias associadas à maternidade se cruzam: Sandy (Jennifer Aniston) é uma mãe solteira com dois filhos, Bradley (Jason Sudeikis) é um pai solteiro com uma filha adolescente, Jesse (Kate Hudson) tem uma história complicada com a sua mãe, Kristin (Britt Robertson) nunca conheceu a sua mãe biológica e Miranda (Julia Roberts) é uma escritora de sucesso que abre mão de ter filhos para se dedicar à carreira.

* 12/05/2016 *
Angry Birds

segunda-feira, 25 de abril de 2016

Resenha: O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares


Oi Oi Lunatik's tudo bem por aqui? Desde já quero desejar uma ótima semana a todos. Depois de tanto tempo sem resenhar, finalmente consegui mais uma resenha pra vocês e dessa vez é do badalado livro "O Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares", conheço o livro faz um tempinho porém nunca tive vontade de ler até sair o trailer do filme e ser instigada a conhecer o mundo criado pelo Ringgs antes de ir pras salas de cinema, infelizmente fiz a leitura em PDF por tanto não vou poder discorrer sobre as impressões do livro físico. Sem mais delongas vamos ao que interessa.

* Informações:
- Autor: Ransom Riggs
- Editora: Leya
- Literatura: Estrangeira/Ficção
- Páginas: 336
- Lido Em: Abril de 2016

* Sinopse:
Tudo está à espera para ser descoberto em "O orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares", um romance que tenta misturar ficção e fotografia. A história começa com uma tragédia familiar que lança Jacob, um rapaz de 16 anos, em uma jornada até uma ilha remota na costa do País de Gales, onde descobre as ruínas do Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares. Enquanto Jacob explora os quartos e corredores abandonados, fica claro que as crianças do orfanato são muito mais do que simplesmente peculiares. Elas podem ter sido perigosas e confinadas na ilha deserta por um bom motivo. E, de algum modo - por mais impossível que possa parecer - ainda podem estar vivas. “Mesmo sem as fotos, esta seria uma história emocionante, mas as imagens dão um irresistível toque de mistério. A narração em primeira pessoa é autêntica, engraçada e comovente. Estou ansioso para o próximo volume da série!” RICK RIORDAN, autor da série Percy Jackson e Os Olimpianos. “Um romance tenso, comovente e maravilhosamente estranho. As fotos e o texto funcionam brilhantemente juntos para criar uma história inesquecível.” JOHN GREEN, autor de A culpa é das estrelas. “Vocês têm certeza de que não fui eu quem escreveu esse livro? Parece algo que eu teria feito...” TIM BURTON

* Resenha:
Não sei por onde começar a resenha desse livro que por dois dias e meio encheu meus olhos e minha imaginação de coisas peculiares. "O Orfanato da Srta. Peregrine" (vou me referir assim para encurtar um pouco o titulo) conta a estória de Jacob, um rapaz de 16 anos que cresceu envolvido com as narrativas fantasiosas do seu avô Abe, o avô de Jacob cresceu em um orfanato durante a Segunda guerra mundial e contava ao seu neto histórias sobre monstros e mostrava fotos de crianças diferentes como uma menina que parecia levitar e a de um rapaz levantando uma pedra enorme, a medida que foi crescendo Jacob passou a duvidar das histórias de seu avô. 
Em um determinado dia seu avô liga desesperado para Jacob dizendo que os monstros estão de volta e que precisa da chave do armário de armas, Jacob sempre fora muito ligado ao avô e preocupado vai até a casa dele para saber se ele está bem e se tem tomado os remédios, ao chegar lá Jacob o encontra gravemente ferido.

E é nesse ponto que a aventura começa, Jacob viaja em busca da verdade e nos leva junto para uma pequena ilha no país de Gales. "O Orfanato da Srta. Peregrine" é um livro leve, gostoso até demais de ser lido e em sua narrativa mescla momentos trites e de suspense, não chega a ser assustador, mas as fotos que tem espalhadas por todo o livro ajuda a criar uma atmosfera única. Narrado em primeira pessoa a leitura prende do inicio ao fim, pois só sabemos o que o Jacob sabe e só descobrimos as coisas juntamente com ele e tudo o que podemos fazer é suposições durante a leitura. 

Devo ressaltar que o final do livro não é surpreendente porém é triste, não faz você derramar lágrimas, mas ainda assim é um final bem triste. Quando a leitura terminou por um segundo fiquei esperando virar a página e encontrar um epilogo, onde mostrasse a reação de um determinado personagem em relação a um determinado acontecimento. Infelizmente não tem, então fiquei só na curiosidade.

"O Orfanato da Srta. Peregrine" é uma leitura de escape muito boa, não se tornou um dos meus favoritos, mas é uma narrativa muito bem criada e com uma atmosfera diferente que deve ser lida, se você procura um livro diferente da maioria e leve, esse aqui é o ideal. Garanto que não irá se arrepender. Agora o que nos resta é esperar pelo filme e ler o segundo livro para ver onde iremos parar e o que iremos encontrar dessa vez.

* Playlist:
- Misguided Ghost - Paramore
- Brick By Boring Brinck - Paramore
- Sarah Smiles - Panic! At The Disco

Espero que tenham gostado da resenha, e me contem vocês já conheciam o livro? Se interessaram? Aguardo comentários. 
Beijos da Lua!

quinta-feira, 21 de abril de 2016

O Sutiã Certo

Olá!
Bom, esse é o meu primeiro post por aqui e espero realmente que vocês gostem do que eu tenho para compartilhar com vocês.
O assunto que eu escolhi para tratar hoje é sobre como escolher o sutiã certo para cada tipo de decote. A maioria das garotas acham que é só pegar o primeiro sutiã que esta na frente e pronto, e na verdade não é bem assim. Existe para cada tipo de decote um modelo de sutiã diferente, e esse post é para auxiliar vocês a escolherem esses modelos certos.
Então vamos dar início ao nosso guia.

1. Decote tipo Canoa
Esse tipo de decote chama atenção para os ombros valorizando nuca e pescoço. Para esse tipo de decote temos dois modelos: para as alças não aparecerem o indicado é o tomara que caia, agora para as garotas mais ousadas, as alças trabalhadas em renda dão todo um charme.




segunda-feira, 18 de abril de 2016

Quero A Sorte De Um Amor Tranquilo

we<3It

  Eu quero a sorte de um amor tranquilo, amor esse que não me esconda, mas que me exiba ao seu lado sempre; amor que acalma a alma, mas que também saiba incendiar nos momentos certos; amor que ame e não somente que deseje, mas que haja desejo também e que este venha carregado de amor. Eu quero a sorte de um amor que cresce, que não pereça, mas que permaneça sempre a aquecer o coração; não quero amor de novela e tão pouco amor de conto de fadas, quero um amor real, palpável e que se prove amor todos os dias. Eu quero a sorte de um amor tranquilo, que me acorde na madrugada com mensagens sobre o nosso amor, que me traga flores sem motivo, que me surpreenda todos os dias e que nunca deixei o nosso amor entendiante.

  Eu quero a sorte do amor de Romeu e que ele não precise morrer por sua Julieta; quero a sorte do amor do Peter Pan por sua Wendy e que eles não precisem estar em terras tão distantes; eu quero a sorte de um amor intenso e que dure pela eternidade. Eu quero a sorte de um amor tranquilo e que esse amor não seja carregado pelo vento, tornando-se lembrança e fazendo de um coração remendado um coração em frangalhos; um amor tranquilo que seja mais sorrisos que lágrimas e que se houver lágrimas que elas sejam de emoção.

  Eu quero a sorte do amor do meu moreno, daqueles olhos castanhos tão intensos que quando me olha me enrubesce as bochechas e me faz voltar a ser menina tímida uma vez mais todos os dias; eu quero a sorte do seu amor e que ele não seja efêmero, mas que seja atemporal e que sempre cresça em nossos corações; eu quero a sorte do seu amor que me aquece até mesmo quando me resfrio, que não cede as minhas insistentes impulsividades de raiva e quando eu peço pra você ir embora e digo que não é o que eu quero você fica, me abraça e perdoa todos as minha palavras cortantes. Eu quero a sorte desse seu amor que se adapta a minha irritante cama tão pequena e até mesmo ao chão da sala da Tv só pra poder passar mais uma noite ao meu lado, que sai na chuva pra poder me render sorrisos, que deixa até o futebol pra ficar comigo ou que junta os dois pra não precisar ter somente um.

  Eu quero a sorte do teu amor meu moreno, que me encaixa nos teus sonhos, que dança ao meu ritmo e que nunca solte a minha mão; eu quero a sorte desse teu amor, meu futuro engenheiro que vagarosamente ajuda a arrumar a minha arquitetura tão singular de mulher; eu quero a sorte do seu amor que pinta o meu céu de cor e faz a vida ter um sabor diferente. Eu quero a sorte das suas escassas declarações de amor em público e das tantas ao pé do ouvido; eu quero a sorte da sua incapacidade de não guardar seu beijos na sua roda de amigos, mesmo sabendo que não é ético, eu quero tê-los. Eu quero a sorte do teu amor que não é tranquilo, que tem seus momentos de confusão, mas que se não fosse assim talvez não seria meu; eu quero a sorte até do teu ciúmes sem lei, que faz cara feia até pra'quele ator que nunca vou conhecer.

  Eu quero a sorte desse teu amor moço moreno, e que ele seja sempre preenchido, que não haja espaço para a solidão, mas que deixe pequenas brechas para a saudade, essa saudade que nos aperta o peito quando estamos distantes. Eu quero a sorte desse amor, que ele seja meu e que seja sincero. Não quero muito, só quero esse teu amor que não tem nada de tranquilo, mas que tranquiliza a minha alma tão inquieta.

P.s.: Não esqueçam de participar do Sorteio que tá rolando aqui no blog.

sexta-feira, 15 de abril de 2016

Sorteio: Header + Kit de Marcadores

Oi Oi Lunatik's. Continuando o nosso dia de novidades.
A segunda noticia porém não menos importante é sobre o blog ( \o/ ), eu pensei, repensei, andei pensando novamente e resolvi fazer um leve sorteio com vocês só para descontração, e resolvi sortear um Header + um kit de marcadores para dois sortudos. Para quem não sabe o que é o Header explico rapidamente, é o cabeçalho do blog, aquele desenho bonitinho cheio de personalidade que muitos blogs tem no lugar do titulo. E serão dois ganhadores. O primeiro sorteado fica com o Header personalizado de acordo com o seu gosto pessoal e o segundo sorteado leva pra casa um kit de marcadores que ainda irei montar. 

Prestem bem atenção pois terá opções que são OBRIGATÓRIAS que é necessário preencher para concorrer, depois serão liberadas opções EXTRAS que aumentam sua chance de ganhar.
Se interessou? É muito fácil participar, basta fazer o cadastro no formulário abaixo. 

a Rafflecopter giveaway
Por hoje é só. Conto com a participação de todos. A data do sorteio inicialmente será feito em um mês, mas caso o blog atinja a meta de 100 seguidores antes desse período o sorteio poderá ser antecipado. Por tanto fiquem atentos.

Beijos da Lua!

Novidades da Lua

Oi Oi Lunatik's tudo bem por aqui? 
Mais uma postagem no ar e dessa vez vem novidades por aí, sem muitas conversações vamos direto ao que nos interessa, que é o que a Luna traz de novo.
Primeiramente gostaria de apresentar a arte da personagem principal do livro "Sombras de Salém" do escritor parceiro do blog Dominik Leffeu, que foi apresentado a vocês nesta postagem.


Gostei bastante do desenho, e ajuda muito na leitura pois já tendo em mente como é nossa garota a leitura fica bem mais gostosa. Já tô fazendo a leitura do livro, mas por enquanto só pra divertimento pessoal, a resenha do mesmo eu só irei fazer quando for lançado. Por tanto fiquem aguardando, e a medida que eu for tendo noticias sobre o livro irei compartilhando com vocês.

Lancei hoje também no blog o sorteio de um Header e de um kit de marcadores. Se interessou? Então corre e vem participar, basta acessar  a postagem do sorteio e boa sorte a todos. Por hoje é só.

Beijos da Lua!

quarta-feira, 13 de abril de 2016

(Filmes) Dia do Beijo Com Beijos

Oi Oi Lunatik's tudo bem por aqui? Depois de quase um mês sem postagens, estou de volta e não haveria data melhor para voltar. Como todos sabem hoje dia 13/04 é o Dia do Beijo (*--*), então resolvi fazer essa postagem de retorno super temática com direito a beijos marcantes e música sobre beijos. 
Quem conhece a pessoa que vos escreve sabe que eu tenho algumas paixões na vida entre elas o cinema, por tanto resolvi selecionar alguns beijos que são marcantes na história do cinema, alguns não irão entrar, mas é que escolhi aqueles que também são marcantes pra mim e que tive o prazer de assistir, então vamos a lista.

1. Meu Primeiro Amor (1991) - Vada e Tomas

Como bem explica o nome do filme, é um beijo todo cheio de inocência, gostoso de ser visto e marcante, protagonizado por Anna Chlumsky e Macaulay Culkin, é um primeiro beijo que coleciona primeiras vezes, o final do filme não é romântico, é bem triste até, mas é um filme muito bom de se ver.

2. Titanic (1998) - Jack e Rose

segunda-feira, 14 de março de 2016

Eu Preciso Dizer Que Te Amo...

Antes de iniciar a sua leitura lhe convido a criar a atmosfera colocando a música para tocar.
We<3It

  Hoje mais cedo quando decidi escrever e empunhei papel e caneta em minhas mãos, tudo o que me vinha a mente tinha você... Não é nosso dia oficial de qualquer coisa que se possa comemorar, mas é nosso dia, afinal todos os dias são nossos. Passei horas antes de digitar, perguntando-me o que realmente é o amor e todas as respostas de alguma forma envolviam você, sabe aquela música "Passarinhos" do Emicida, pois é definitivamente uma parte dela nos descreve, nós somos somente dois pequenos pássaros buscando ninho, e eu encontrei o meu no teu abraço.

  E teria como não me encontrar nos teus braços? Sinceramente acredito que não, você me levou pra sua vida com tanta certeza de que eu era a pessoa certa pra você, que tudo o que pude fazer foi cruzar os dedos e ser eu mesma. E sem nenhuma pressa você foi me colocando ao seu lado, apresentou-me para seus pais, sua irmã, sua filha, levou-me para conhecer sua casa, seu quarto, sua cidade, seu jeito interiorano de ser, sempre sendo tão doce nesse seu jeito de menino. Conheci seus amigos e amigas que aos poucos foram se tornando meus também. O que eu estou tentando dizer é que você me aceitou com todas as minhas excentricidades, e olha não são poucas, e eu te aceitei com todas as suas manias e jogos de futebol. Eu amo você por estar sempre comigo quando eu preciso, por estar sempre tentando ser a pessoa que eu preciso, amo o jeito que você me pede desculpas quando erra, o jeito que me mima quando estou triste numa tentativa que nem sempre dá certo de me fazer ficar melhor e amo quando não dá certo e você simplesmente me abraça e espera pacientemente as crises passarem.

  Amo poder cuidar de você todos os dias, das suas contusões que sempre surgem; amo assistir seus jogos e amo o jeito que você dedica seus gols para mim; amo o jeito que você compartilha seus chocolates comigo e amo você até mais do que os chocolates que você me dá e o cachorro quente que me traz toda tarde; amo o seu jeito de me abraçar pra dormir e como se nega a dizer que está com o braço doendo só para manter mais tempo embaixo da minha cabeça, amo te ver dormir nos meus filmes preferidos e de assistir aquele filme sobre carros, que já enjoei, tanta vezes só pra ficar mais tempo do seu lado, e nada é melhor que assistir todos os filmes de Harry Potter ao seu lado e ter você sorrindo do meu jeito de dizer todas as falas do filme. Amo o jeito que você se deixou apaixonar por cinema só pra me agradar e nisso acabou se agradando também. Amo o jeito que você mesmo sem gostar de livros, sabe me dividir com minhas paixões e até o ciúmes que sente da atenção que dou ao blog e aos meus dias de escrita eu gosto em você. Amo o jeito que você se permitir sonhar junto comigo sobre o nosso grande dia e a forma como se entrega para planejar os pequenos detalhes ao meu lado.

  Sabe eu estive perdida por algum tempo, e vez ou outra eu ainda me perco sem saber realmente o que quero, mas nada no mundo me agrada tanto como saber que tenho você ao meu lado para segurar minhas mãos e me fazer continuar caminhando quado não sei seguir a diante. A verdade amor é que em pouco mais de um ano eu estarei caminhando em sua direção rumo ao altar e nesse dia mesmo sem estar com suas mãos nas minhas eu saberei que estou caminhando na direção certa.

quinta-feira, 10 de março de 2016

Amigo Lindo...


Oi Amigo tudo bem? Estou aqui para dizer que sim, eu recebi a sua mensagem juntamente com a música que você disse que falaria tudo por você, desculpas pela demora em responder mas é que eu precisava de algum tempo para absorver aquela mensagem de uma palavra e a letra daquela música tão clara. Talvez a carta que escrevo seja um tanto que desagradável, mas eu fugi de você exatamente pra poder procurar as palavras certas para dizer. Antes de tudo eu preciso confessar-te uma coisa, lembra aquele dia que nos conhecemos no meio da rua do nosso bairro pertinho da quadra de futsal? Eu esbarrei em você por andar de cabeça baixa enquanto você corria pra não perder a chance de jogar, sorriu sem jeito e me pediu desculpas e continuou sua corrida tão urgente... Naquele dia eu me apaixonei por seu sorriso e escolhi ser sua amiga para que um dia você se apaixonasse por mim, o que eu estou tentando dizer é que antes de ser sua amiga eu já te via como um possível amor e tímida demais o que pude fazer foi procurar sua amizade. Então que fique claro que a única pessoa que misturou amizade e paixão foi você, pra mim sempre foi paixão, e que eu esperei por aquele beijo desde aquele pedido de desculpas sem jeito naquela tarde de sexta-feira.

Ouvi várias vezes a canção tentando assimilar as palavras e infelizmente você não me poupou da despedida, na verdade apenas a adiou. Sabe amigo eu também não fiquei bem, o seu "desculpa" foi tão triste e machucou, mas agora já consigo entender e espero que também consiga compreender que todas os nossos momentos foram tão sinceros, mas agora percebo que não existe pessoas certas em momentos errados, existe apenas a pessoa certa e o momento somos nós que o fazemos, seja ele certo ou errado, a escolha sempre é nossa. Não vou mentir, pois também senti saudades suas, afinal eramos de noites inteiras companhia um do outro, eu estive ao seu lado quando aquela menina te deixou, sequei suas lágrimas e curei a sua dor; fui ombro amigo quando precisou; fui solução quando você era dúvida; ajudei com as provas finais de biologia e química, e escrevi aquela redação nota 10 inteira por você. Você também foi muita coisa pra mim, noites de chocolate e sorvetes, filmes e séries, minha razão quando eu era só coração, meus pés no chão enquanto minha cabeça estava nas nuvens, mas tudo isso acabou e não vamos continuar algum dia.

Você teve a oportunidade de se declarar pra mim, mas preferiu fugir e eu continuei sozinha o meu caminho, superei a dor, enxuguei minhas lágrimas e levantei a cabeça não por você, nem por mim, mas pelo caminho, preferi acreditar que o caminho me traria a calmaria e trouxe, e só por isso tantos anos depois eu te respondo. Fique sabendo que eu estou voltando pra casa, mas a minha casa hoje tem nome, endereço e uns olhinhos pequenos que não se esquece; não vou virar amada sua, pois hoje sou a amada e a morada de outro alguém, sou o porto seguro e a ancora desse meu bem, sou amiga, menina e mulher de outro sorriso e a mãe do nosso futuro neném. Sim amigo eu estou bem e espero que estejas também. Fica bem. 

Ass: Sua Amiga Linda.

Nota da Lua: Texto escrito e totalmente inspirado na música "Amiga Linda" da dupla sertaneja João Bosco e Vinicius, fiquem a vontade para ouvi-la e assimilar ao texto.



terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

Resenha: Filhos Do Éden - Herdeiros de Atlântida


Oi Oi Lunatik's. Tudo bem por aqui? Fiquei alguns dias sem postar, mas hoje tem novidade pra vocês, a primeira resenha do blog (\o/). Acredito que pouquíssimas pessoas não sabem, mas Eduardo Spohr é um escritor brasileiro que faz muito sucesso com a literatura fantástica, se você não conhece a trilogia "Filhos do Éden" com certeza já ouviu falar do best-seller ''A Batalha Do Apocalipse", que eu já tive o prazer de resenhar no meu antigo blog aqui.

* Informações
- Autor: Eduardo Spohr
- Editora: Verus
- Literatura: Nacional/Ficção
- Páginas: 476
- Lido Em: Fevereiro de 2016

* Sinopse: 
Há uma guerra no céu. O confronto civil entre o arcanjo Miguel e as tropas revolucionárias de seu irmão, Gabriel, devasta as sete camadas do paraíso. Com as legiões divididas, as fortalezas sitiadas, os generais estabeleceram um armistício na terra, uma trégua frágil e delicada, que pode desmoronar a qualquer instante. Enquanto os querubins se enfrentam num embate de sangue e espadas, dois anjos são enviados ao mundo físico com a tarefa de resgatar Kaira, uma capitã dos exércitos rebeldes, desaparecida enquanto investigava uma suposta violação do tratado. A missão revelará as tramas de uma conspiração milenar, um plano que, se concluído, reverterá o equilíbrio de forças no céu e ameaçará toda vida humana na terra. Ao lado de Denyel, um ex-espião em busca de anistia, os celestiais partirão em uma jornada através de cidades, selvas e mares, enfrentarão demônios e deuses, numa trilha que os levará às ruínas da maior nação terrena anterior ao dilúvio o reino perdido de Atlântida.

* Resenha:
- Sobre o Enredo:
O livro é dividido em quatro partes, cada parte é ambientada em uma localização onde se passa os eventos. A narração intercala em seus capítulos o momento presente e o passado deixando a leitura dinâmica e nos explicando os eventos que estão acontecendo que tem alguma coisa ligada ao passado.

- Sobre os Personagens:
A personalidade de cada personagem que nos é apresentado é muito bem definida, alguns são do mesmo time porém com atitudes bem opostas. A Rachel e o Denyel são bem opostos, em momentos eu não sei se os odeio ou se gosto, o Denyel é todo errado porém extremamente leal e isso é um ponto positivo, já a Rachel é instável demais, em uns momentos ela é extremamente confiante e em outros insegura
, mas essa mudança de personalidade dela é totalmente aceitável. Levih e Urakin são bem opostos também tanto na casta como nas atitudes e por isso formam uma dupla tão perfeita.

- E o que você achou Luna?
Bom sou muito suspeita para falar sobre este livro do Spohr, porque quem me acompanha pelo skoob sabe que esta não é uma leitura nova e sim uma releitura para que eu pudesse ler os outros livros e para fazer a resenha para vocês. E a medida que fui relendo o livro só fui ficando ainda mais encantada com a forma como ele escreve, detalhista e minimalista enriquecendo a leitura. Apesar dos detalhes a leitura flui facilmente e logo na primeira página você já é fisgado pela estória e pelos mistérios que vai se revelando vagarosamente. Eu já havia classificado a leitura como um 4 estrelas no skoob, e com a releitura aumentei para 5 estrelas facilmente.
Eu super indico a leitura, não somente desse, mas de qualquer livro do Eduardo Spohr, cada vez que tenho contato com os livros dele, mais me apaixono e me encanto.


* Playlist:
- Radioactive (Imagine Dragons)
- Magnets (Lorde)
- Team (Lorde)
- Burn (Ellie Goulding)

E vocês já leram esse livro, ou algum outro do Spohr? Que músicas indicariam para a leitura? Estou esperando o comentário de vocês.

Beijos da Luna!


quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016

Um Pouco Sobre o Oscar 2016

Oi Oi Lunátikos. Tudo bem por aqui? Vamos falar um pouco sobre filmes, e vamos começar falando sobre o Oscar, o dia da premiação está bem aí e acredito que a maioria já sabe os grandes indicados, mas não custa nada relembrar um pouco.
Então vamos ao que interessa?

* Campeões De Indicações: *
1º O Regresso - 12 indicações ao Oscar.
2º Mad Max: Fury Road - 10 indicações 
3º The Martianno - 7 indicações
4º Bridge Of Spies - 6 indicações
5º Spotlight - 6 indicações
6º The Big Short - 5 indicações
7º Star Wars: O Despertar da Força - 5 indicações

* Melhor Filme *
Mad Max: Fury Road
O Regresso
O Quarto de Jack
Spotlight: Segredos Revelados
A Grande Aposta
Ponte Dos Espiões
Brooklyn
Perdido Em Marte


segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

Novidades: Parceria Nova e Meta de Leitura


Depois desse feriadão de carnaval, o blog está de volta e completamente ativo, agora vocês podem se segurar nos seus assentos que a nave da Luna vai decolar e tem muita coisa boa pra vocês. Teremos resenhas, promoções, playlists, textos, crônicas e uma infinidade de coisa legal pra divertir e entreter vocês meus ocupantes que apelido carinhosamente de Lunátikos.

Então sem muita lenga, lenga, vamos as nossas novidades:
1. Parceria Nova:

  Quem é o novo parceiro? Dominik Leffeu é um jovem caiçara, que nasceu e viveu no litoral de São Paulo, atualmente trabalha como recepcionista, mas ama escrever e desenhar sempre que possível. Desde a infância foi influenciado por seu tio mais próximo ( pelo qual sente eterna gratidão!) a ler, escrever e desenhar. Enquanto criança, não sentia muita afinidade com literatura e apenas se focava em desenhos estilo manga, mas aos 18 anos decidiu iniciar uma vida como autor. De inicio não se dedicava muito, mas com o passar do tempo, sua paixão em escrever e criar histórias foi aumentando cada dia mais, e em pouco tempo ele criou Sombras de Salem, sua primeira obra, qual da inicio a sua primeira saga que ainda está em criação. E com certeza ele planeja escrever muitas outras!

  E sobre sua obra, o livro de estreia que está em avaliação por uma editora, chama-se Sombras de Salem. Segue a sinopse: Victoria Valentin é uma simples adolescente de 16 anos do interior de Atlanta, com uma vida simples e com problemas igualmente normais. Suas férias de verão começam com uma grande e indesejada mudança, na qual ela se vê retornando para sua cidade natal, chamada Pérola de Salem. Em pouco tempo, o que sempre fora uma vida estável, se torna perturbada por segredos do passado, coisas que jamais pensava em fazer se tornam parte do seu dia a dia. Logo ela se encontra presa a um mundo dominado por bruxas, vampiros, e seres sobrenaturais. Agora, a única forma dela saber quem realmente é será mergulhando na história sombria de sua própria família, sendo obrigada a se por entre uma antiga guerra sangrenta que se reaviva uma vez mais, obrigando ela a ter a vida dos amigos em suas próprias mãos!

  Contem-me gostaram da proposta do livro? Assim que sair a arte de capa, irei postar aqui pra vocês conferirem.

2. Sobre a Meta de Leitura do Ano:
  Já dei inicio a minha meta de leitura, e o primeiro da lista que escolhi foi o livro Herdeiros de Atlântida (Filhos do Eden) do escritor Eduardo Spohr.


  Já estou na metade do livro, esta é a segunda vez que leio e é incrível como só me apaixonei ainda mais pela narrativa do Spohr, devido a isso resolvi fazer uma postagem especial sobre a trilogia (ou quadrilogia) e sobre o queridíssimo Spohr. Aguardem que a postagem já está em final de edição.

Bom meus queridos Lunátikos por hoje é só isso que tenho, E quarta-feira tem mais.

Beijos da Luna.

quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

Meta De Leitura 2016

Oi Oi Lunáticos, tudo bem por aqui? Primeiríssima postagem do meu novo cantinho e vamos começar em grande estilo, falando sobre livros é claro. Estamos no finalzinho de Janeiro (mais já? '0') e resolvi finalmente montar minha lista de metas do ano, mas essa lista é diferente, não é somente livros que pretendo ler durante o ano de 2016, mas aqueles que pretendo comprar também.

Tentei criar uma lista pequena e capaz de ser cumprida já que desde de 2014 venho deixando minhas leituras de lado, e durante o ano de 2015 o meu rendimento diminuiu menos ainda, dei aquela revirada na minha pequena estante, procurei aqueles livros que tenho faz um tempo e ainda não li e os coloquei como cabeça da lista, afinal ler aqueles que já tenho é o ponto principal da meta.

Outro ponto que coloquei para criar a minha meta foi colocar os livros que são continuação de alguma trilogia ou série que já comecei, preciso terminar essas para poder começar novas. Algumas dessas séries estão faltando livros, farei o possível para compra-los, será complicado já que embarquei em uma aventura chamada "organizar o meu casamento" e todo tipo de gasto tem que ser reduzido (mas adianto desde já estou amando organizar o meu grande dia, que ainda demora mais que já está sendo pensado os pequenos detalhes *--*).

Como cada livro tem um simbolo que coloquei segue a legenda.


Enfim, sem mais conversa e vamos a lista.



 


 

 

 

Então essa é minha lista, pequena e por isso espero cumprila, irei atualizar a lista no skoob também. E vocês tem alguma meta de leitura para 2016? Adorarei saber um pouco mais sobre vocês.

Beijos da Lua.



Você Vai Gostar de Ler:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...